Carta Mensal Mai-18 | Canepa Macro | COPOM e greve dos caminhoneiros fazem “cair a ficha” do mercado.

Carta Mensal Mai-18 | Canepa Macro | COPOM e greve dos caminhoneiros fazem “cair a ficha” do mercado.

Caros amigos,

 

A Canepa Asset Brasil publica sua Carta Mensal da Estratégia Macro, referente ao mês de maio/2018.

No mês de maio/18, o fundo Canepa Macro FIC FIM rendeu -0,35% nominais. Em 2018, o retorno do fundo alcança 4,49% nominais, o que equivale a 170% do CDI. Nos últimos 12 meses, a rentabilidade acumulada atinge 13,41% (175% do CDI). Desde o seu início (março/16) até maio/18, o desempenho do produto alcançou 57,09% nominais, representando 221% do CDI. 

Meses de maio, definitivamente, não têm sido positivos para o mercado. Em maio/17, assistimos perplexos às gravações de conversas do Presidente Michel Temer e Joesley Batista. Agora, em maio/18, alguns episódios tornaram o mês bastante negativo para os ativos brasileiros: a inesperada decisão do COPOM (comunicação confusa) de manter a taxa SELIC em 6,5% ao ano e a greve dos caminhoneiros, que mostrou a fraqueza do Governo Temer.

O destaque da atribuição de performance consiste no equilíbrio de contribuição anual em todos os mercados – renda fixa, ações (com grande relevância das posições long short) e moedas.

Apesar do retorno negativo, consideramos que conseguimos controlar bem o risco em um mês de alta volatilidade em todos os mercados, dentro de nossa ideia de preservação de capital nesse ambiente difícil. Nossas posições na direção de um dólar forte no mundo, nossa “virada de mão” em bolsa para venda e, sobretudo, o respeito ao mercado na zeragem de posições prefixadas deram os frutos na direção correta.

 

Leia aqui a carta completa.