Petrobras: alívio passageiro (Valor Econômico – 27/04/2015)

Petrobras: alívio passageiro (Valor Econômico – 27/04/2015)


Na avaliação do sócio e gestor da Canepa Asset, Eduardo Roche, a importância do balanço muito mais do que os números de correção dos prejuízos causados pela corrupção é ter tirado da frente o risco de liquidação antecipada das dívidas no exterior com o atraso da divulgação. “O ajuste [baixas contábeis] acabou vindo mais forte do que o especulado. Mas, se viesse num montante menor poderia haver incertezas e alimentaria a dúvida de ser necessário novos ajustes no futuro”, afirma.

 

Petrobras: alívio passageiro (Valor Econômico – 27/04/2015)