O gestor de recursos e a anatomia de uma crise (Valor Econômico – 26/05/2017)

O gestor de recursos e a anatomia de uma crise (Valor Econômico – 26/05/2017)


Caros amigos da Canepa Asset,

 

Quarta-feira, 17/05/2017, 19:30 hs. Alguns gestores já haviam deixado o trabalho, mas a velocidade da comunicação via agência online de notícias, Whatsapp ou qualquer outro meio digital, lançou aquela verdadeira bomba – o vazamento da delação (super) premiada dos controladores da JBS – no nosso colo, quase que simultaneamente. A primeira reação foi de incredulidade – basta lembrar que, naquele momento, o Governo vinha se fortalecendo na área política, muito à base de concessões a parlamentares para a obtenção do quórum qualificado de 308 votos para a aprovação da Reforma da Previdência, dali a duas semanas. O jogo do presidencialismo de coalizão (um eufemismo para fisiologismo ou troca de votos por vantagens) parecia caminhar de forma desinibida.

 

… Como gestor e brasileiro, fica a esperança de que realmente valha a pena ser um profissional sério em relação à alternativa de enriquecer ilicitamente com informações privilegiadas e/ou cometer crimes e se livrar de punições apenas pelo ato de delação de outros criminosos/comparsas. Pior que déficits fiscais e rentabilidades negativas que corroem nossas finanças, é o déficit moral que afeta o sonho por um futuro melhor para o nosso país.

 

Leia o artigo completo: O gestor de recursos e a anatomia de uma crise (Valor Econômico – 26/05/2017)

 

Um abraço,

 

Alexandre Póvoa