Investidor estrangeiro dobra presença na bolsa (VALOR ECONÔMICO – 06/01/2014)

Investidor estrangeiro dobra presença na bolsa (VALOR ECONÔMICO – 06/01/2014)


A cada ano, eles ampliam a participação no volume negociado na Bovespa. E, a julgar pela evolução dos dados, em 2014 os investidores estrangeiros podem responder por metade das transações na bolsa brasileira. Os aplicadores externos mais que dobraram sua fatia nas negociações na Bovespa em 20 anos, passando de 21,4% em 1994 para 43,7% em 2013. Os dados do ano passado ainda não estão fechados e contabilizam negócios até 27 de dezembro. No último mês do ano, a participação foi de 46,4%.

A evolução da economia brasileira, que culminou na conquista do grau de investimento, foi fundamental no processo. O aplicador estrangeiro acabou substituindo o pequeno investidor. “O mercado de ações cresceu, acompanhou a evolução econômica do país, mas os locais não acompanharam na mesma proporção”, diz Alexandre Póvoa, sócio da Canepa Asset Management.

Clique aqui e leia a reportagem completa.